Como pode ser transferido um crédito existente?

Na Suíça, qualquer pessoa pode pagar as suas dívidas e mudar de mutuante, basta querer e ter condições para o fazer. No caso da chamada «transferência de um crédito ao consumo», o mutuário solicita simplesmente a outro banco que assuma os créditos existentes. Desta forma, é frequentemente possível reduzir os encargos financeiros.

A mudança é possível em qualquer momento

Nos termos da lei federal suíça sobre crédito ao consumo (KKG), o cliente tem o direito de reembolsar antecipadamente o seu crédito em qualquer momento e de trocar o seu mutuante em qualquer altura. Esta disposição garante que o cliente pode aceitar uma melhor oferta de outro banco.

Procedimento regulamentado de transferência de crédito

Para transferir um crédito ao consumo, o cliente deve comunicar ao seu novo banco a sua pretensão. Este banco entra em contacto com o banco atual e o resto do procedimento é realizado entre eles. Assim que o contrato assinado for devolvido, tem início o período de reflexão legal de 14 dias. Decorrido este período de reflexão, o montante de crédito em dívida é transferido diretamente pelo novo banco para o seu ex-mutuante. Para si não existem quaisquer encargos.

Bons motivos para mudar de fornecedor de crédito

Podem existir bons motivos para trocar de mutuante. Na maioria dos casos, os consumidores realizam esta troca para pagarem juros mais baixos e uma prestação mensal mais baixa. Além disso, deve verificar se existe a possibilidade de consolidar vários créditos ou dívidas de cartões de crédito para que tenha de lidar com um único interlocutor e controlar uma única conta.

Alteração do prazo de reembolso do seu crédito

O desejo frequente de prestações mensais mais baixas pode ser concretizado através do prolongamento do prazo de reembolso. Deve, no entanto, lembrar-se de que a um prazo de reembolso mais longo estão também associados encargos com juros mais altos. Pode verificar esta situação com a nossa calculadora de prestações. Por outro lado, alguns mutuários estão interessados em encurtar o prazo de reembolso, por exemplo, por terem recebido dinheiro em herança. Um prazo de reembolso mais curto está, pelo contrário, associado a prestações mensais mais altas.

Seja como for, vale a pena comparar regularmente as suas condições com as ofertas de outros fornecedores, tomando em consideração, além da taxa de juro, também serviços adicionais como, por exemplo, o pacote de segurança do CREDIT-now Classic.

CREDIT-now Classic

Montante do crédito em CHF 1000 a 250 000 Duração 6 a 84 meses Taxa anual efetiva (TAE) 7,9 % a 9,9 %, dependendo da solvabilidade

- Pacote de segurança gratuito com adiamento de pagamento da prestação, opção de reembolso, proteção da taxa de juro, seguro de crédito em caso de morte

O artigo ajudou-o?
Dados inválidos ou incompletos

Todos os campos a amarelo têm de ser preenchidos.